Quinta Coluna

Express Press

CESAR TADEU

30 de junho de 2021

Atendendo a uma solicitação do Lions Clube Internacional, o cin-quentenário Lions Clube de Passos solicitou e a edilidade a bordo da refrigerada Câmara Municipal de Passos aprovou, a indicação de um logradouro público com a denomi-nação de “8 de Março” – em home-nagem às mulheres. Daí, por indi-cação do vereador Maurício Silva e a sanção do prefeito Diego Oli-veira, a “Praça 8 de Março” (para quem não se deu conta ainda, é a data em que se comemora o Dia Internacional da Mulher)…

…está localizada nos domínios do loteamento Mirante do Vale, ali próximo da Faculdade Atenas Pas-sos – de Medicina e de Odontolo-gia. O fato teve direito até a uma microssolenidade de sanção da lei, no gabinete #1 da Praça do Rosário.

Mello, que hoje tem 46 anos, relembra esta e outras novelas nesta quinta (10) no especial “As Crianças que Amamos”, do canal Viva. Em 13 episódios, a série mostra a trajetória de atores que iniciaram na infância suas carreiras na teledramaturgia. A produção segue a mesma linha de “As Vilãs que Amamos” e “Os Casais que Amamos”, ambos do Livre pensar, é só pensar: a pro-pósito de nomes, denominações, vias, prédios & logradouros públi-cos em geral, a laboriosa edilidade a bordo da refrigerada Câmara de Passos bem que poderia, não tendo o que fazer, sancionar também uma lei acerca dessa questão de ficar denominando tudo que vias, prédi-os & logradouros públicos que tais…

…Denominando até que não, mas, o que não é exceção, mas tem sido uma regra, re-denominando vias, prédios & logradouros públi-cos quetais. Vide, por exemplo, o histórico e centenário “Grupo Es-colar Dr. Wenceslau Braz”, rede-nominado “Escola Municipal Pro-fessora Francina de Andrade” (e ninguém está questionando, nesse caso, o peso da vida e obra dos homenageados). Mas não se tira a roupa de um santo para se vestir outro santo, né não, fariseus?!?

Sobre essas re-denominações de vias, prédios & logradouros públi-cos quetais (tem lá na refrigerada Câmara nobre edil mui especialis-ta nesse tipo de “homenagem”: conseguiu parte de seus votos, na sua recente reeleição, muito às cus-tas desse tipo de atuação)…

…Então, bugrada, especificamen-te citando o já citado loteamento Mirante do Vale, vale lembrar que, quando lançado, aquele loteamen-to de quase mil lotes, duas praças, várias ruas e avenidas, daqui a pou-co vai estar parecendo a uma lista telefônica, já que, aos poucos, estão trocando os singelos (e natos) no-mes de flores por nomes de ilustres – e outras nem tantas -, personali-dades…

…Meno male: ao menos ainda são as personas locais (lembrem-se daquela infeliz ex-autoridade municipal não reeleita que queria denominar aí na Ardeia uma praça de “Praça Marielle Franco”…como se não bastasse!)

Das histórias de denominações de vias, prédios & logradouros pú-blicos quetais ness’Ardeia, bugra-da, tem a história daquele lotea-mento lá do lado de lá da MG-050. Empreendimento de loteadores que vieram de outra freguesia, não tiveram dúvidas: na hora de nomi-narem as ruas e avenidas de seu empreendimento, resolveram ho-menagear…

…seus parentes! Tomando em-prestado deles seus nomes e sobre-nomes. Nada a ver com essa Arde-ia, eh! Ardeia (que, é bom lembrar, já possuia naqueles dias uma Câ-mara Municipal e até um plano diretor – mais um deles!) Deu no que está lá.

Sangue Azul para ele, todos os dias! Casual, esporte, esporte fino, em roupas, sapatos, bolsas, mochi-las, carteiras e acessórios. Para homens com estilo. Na Avenida da Moda ou via Whatsapp (35/9-9141-3312) #sangueazul homem

Deu nessa Pholha da Manhã: que a “Prefeitura de Passos investiga denúncias de superfaturamento no pagamento de horas extras para servidores que atuam na Brigada de Enfrentamento à Covid-19 do município. O caso também é inves-tigado pela Frente Parlamentar pa-ra Enfrentamento à Covid-19, da Câmara de Passos…”

…“De acordo com informações da Controladoria-Geral do municí-pio, com base em apuração referen-te a atuação de médicos, enfermei-ros, servidores do setor de Zoono-ses, da brigada e de outros profis-sionais que atuam no combate à doença, há indícios de que ao menos três trabalhadores teriam recebido horas extras em excesso.” Humano, demasiadamente huma-no: até agora mesmo, na refrigera-da Câmara, a ideia era incorporar os brigadistas ao corpo de servido-res públicos municipais.

Enquanto isso, hontem mesmo, em Brasília/DF… A Agência Sena-do dá conta de que os senadores votaram, hontem mesmo, em ses-são remota do Plenário, projeto que assegura o repasse de ao menos 70% dos recursos previstos para parcerias com o terceiro setor du-rante a pandemia de Covid-19. O PL 4.113/2020, do deputa-do Afonso Florence (PT-BA) e relatado pelo senador Confúcio Moura (MDB-RO), determina que os repasses públicos para as organizações não sejam congelados ou interrompidos, e que novos contratos possam ser estabelecidos entre as organizações que estão atuando na linha de frente da proteção e combate aos impactos provocados pela pandemia de Covid-19…

…O projeto também garante mais prazo para as prestações de contas e celebração de parcerias emer-genciais que ainda mantém a suspensão da obrigatoriedade de manutenção das metas quantita-tivas e qualitativas contratualiza-das pelos prestadores de serviço de saúde no âmbito do SUS…

…A aprovação do PL4113/20 20 foi apontada como fundamen-tal para o trabalho de muitas orga-nizações não governamentais – as ONGs – atingidas pela pandemia, durante a audiência remota na Comissão Temporária Covid-19. A matéria foi aprovada na Câmara dos Deputados em dezembro do ano passado…

…O terceiro setor engloba orga-nizações e entidades da sociedade civil de interesse público, que não possuem fins lucrativos (ONGs, associações, fundações, entidades beneficentes, organizações sociais, brigadas, oscips e afins). Podem contar com as normas estipuladas pelo projeto as entidades definidas na Lei 13.019, de 2014, ligadas a várias áreas de atuação convenia-das com o poder público, e outros tipos de convênios e parcerias.

Inspirado na tendência do De-sign Biofílico, o revestimento Moss leva a natureza para dentro dos ambientes, garantindo maior aconchego e a beleza do verde. O Moss é um musgo natural preser-vado, originário da Escandinávia. Seu cultivo segue uma antiga tra-dição local e a colheita é feita à mão, de forma sustentável…

…Após colhido, o musgo passa pelo processo de preservação, ga-nhando vida. O Moss pode ser combinado com diversos revesti-mentos da Castelatto, permitindo paginações criativas e inovadoras. Conheça o Moss – o revestimento natural que vai transformar o seu ambiente – e o conceito de Design Biofílico na Ponto Bello Acaba-mentos. Paginações criativas e ino-vadoras são parte do dia a dia da primeira butique de pisos e reves-timentos da região. Na Lavras, es-quina com Dr Manoel Patti.

“Ex” é uma daquelas pouquís-simas coisas que são para sempre, sofismava a madre superiora… Se-rá? O Mais Educa Eventos, de Claudinha Arouca manda ver hoje, on-line, 1h30m de diálogos genuí-nos sobre as finitudes das relações amorosas. Com mentoria de Ricar-do Lima – psicólogo, especialista em Didática do Ensino Superior, mestre em Educação e doutor em Psicologia do Desenvolvimento Humano, com atua na Clínica de adultos, famílias, casais, supervi-são profissional e orientação voca-cional/carreira há 25 anos…

…Também ministrante de aulas em cursos de pós-graduação e pa-lestras/workshops sobre Família, Desenvolvimento Humano e Vida Profissional. Em hora e meia, Li-ma vai abordar temas como “cláu-sula conjugal: só a morte nos sepa-ra?”; “insalubridade das relações de codependência”; “filhos, paren-tes e amigos diante da finitude do projeto conjugal” ou “o desenvol-ver-se como fenômeno evolutivo do Eu e do Nós.” Acesse sua vaga no http://linktr.ee/maiseducaeven tos.

Para o sábado, 3 de julho, tem Seminário das Ligas Acadêmicas da Faculdade Atenas Passos 2021- o “SE LIGA”, para os íntimos. Um evento organizado pelos acadêmi-cos do campus Passos, com o objetivo de incentivar projetos de pesquisa e extensão. O seminário vai ser recheado com palestras e apresentações de trabalhos cientí-ficos ao vivo pelo YouTube, no ca-nal Faculdade Atenas Passos.

Acupuntura para reequilibrar o corpo e a mente, nesses tempos de stress por conta de tudo isso aí fora. Acupuntura como tratamento, massagem como relaxamento, com atendimento a domicílio e com to-dos os procedimentos de seguran-ça, conforme os dias atuais. Pela fi-sioterapeuta e acupunturista May-na Elias. Agendamentos pelo 9-9119-8690 ou 9-9946-0881.

Às vésperas de fazer dez anos, Dan-ton Mello fez a sua estreia em novelas. Foi em abril de 1985 em “A Gata Comeu”, da Globo. Na trama, ele era Cuca, filho do pro-tagonista vivido por Nuno Leal Maia. O ator passense, que hoje tem 46 anos, relembra esta e outras novelas no especial “As Crianças que Amamos”, do canal Viva – série de 13 episódios que mostra a tra-jetória de atores que iniciaram na infância suas carreiras…

…na teledramaturgia. Além de Danton Mello, Caio Blat (41), Car-la Diaz (30), Cosme dos Santos (65), Elizângela (66), Fernanda Ro-drigues (58), Isabelle Drummond (27), Klara Castanho (20), Narjara Turetta (54), Sérgio Malheiros (28), Thiago Martins (32) e Wagner San-tisteban (38), são retratados na sé-rie. O episódio de estreia foi com Deborah Secco (41 anos).

Mello afirma que adorava atuar quando criança, tem ótimas recor-dações dos bastidores de “A Gata Comeu”( depois da trama, o pas-sense foi destaque em novelas co-mo em “Vale Tudo” (1988), em que fez o papel de Bruno, filho de Leila (Cássia Kis) e Ivan (Antonio Fa-gundes), e em “Tieta” (1989), co-mo Peto, um dos filhos da vilã Perpétua (Joana Fomm)…

…Questionado se tem algum ar-rependimento sobre ter começado tão cedo, Mello afirma que não e que faria tudo igual e que isso não atrapalhou a sua educação. “Não sinto falta de nada, consegui viver minha infância, ter meus momen-tos de brincadeiras, de amigos da escola, de brincar na rua e de brin-car no set”, diz. Eu amo o que eu faço, então se eu voltasse no tempo, faria tudo igual”.

Danton Mello se prepara para voltar à TV ainda este ano em “Um Lugar ao Sol”, próxima novela das nove da Globo. Na trama, ele é Ma-theus, um homem simples e ínte-gro do interior, que reencontra La-ra (a atriz Andreia Horta), amor da adolescência. O ator também faz u-ma participação na quinta tempo-rada de “Sessão de Terapia” como Miguel, irmão na ficção de Caio Barone, interpretado por seu irmão na vida real, Selton Mello, 48. Em-bora ambos trabalhem na TV des-de crianças, é a primeira vez que eles contracenam juntos. Danton Mello diz ainda que estuda pro-jetos para 2021 e que está torcendo para o Brasil superar “a pandemia, a crise e esse momento maluco que estamos vivendo”, amém.

Uma variante aqui, uma nova ce-pa ali, um lockdown acolá, uma quarentena obrigatória…Para saber das últimas sobre as restrições de viagens para brasileiros no exterior ou obrigações atualizadas para uma viagem internacional, fale com a equipe Munditur: ela tem seu pró-ximo destino, com toda a seguran-ça – ou restrições – desses dias de pandemia. A Munditur está na Ru-a Santo Antônio, 79. Ou dial 35/3521-6373. Ou [email protected] ditur.com.br Ou @munditur viagens


Ouro Fino de ouro fino, a arteira Roseymar Zaroni (71 anos, quase 72) aparece assim, 101% diva, no Ensaio fotográfico assinado por seu photógrafo preferido, Nilo Machado


wanessa alux, dia desses de estreiar Novo ciclo: agora 4.0


o passense danton Mello, 46 anos, relembra as novelas e outros trabalhos que fez, no especial “As Crianças que Amamos”, do canal Viva. Em 13 episódios, a série mostra a trajetória de atores que iniciaram na infância suas carreiras na teledramaturgia.
E todos passam bem, obrigado


isto é só um aperitivo do retorno do “Projeto Vitrolinha” – aquela 1 hora da melhor discotecagem by Wilson Crivelin Jr que, ano passado, mais no início dessa pandemonia – ou pandemio – incomodou até o facebook. para “vitrolinha 2 – o retorno” wilson recebeu Evaristo piantino Pádua, o evaristinho – ou Vara -, baterista do Ira. Visita vapt-vupt…


 

Cores intensas e iluminadas para aquela aposta do dia! Surpreenda-se com as novas peças da coleção #ULTRA-2, desenvolvida especialmente para você! De quebra A Nova D selecionou peças com 30% OFF em até 6x sem juros.
Monte seu estilo e arrase! na loja nova d, na avenida da moda. no WhatsApp ou no site! Vai perder?


No sentido horário, ju baroni, edelweiss lemos, alexandra richter e a global rosi campos, cada uma num canto do mundo, mas reunidas nesse admirável mundo novo, via redes sociaes e sem tradução simultânea. dia desses, durante leitura do texto de miguel falabella, “A partilha”. em coisa arranjada por edelweiss lemos …holz