Coluna MG

Vereador defende tratamento

15 de Maio de 2021

O “tratamento precoce” para evitar a covid-19 foi pauta na Câmara de Divinópolis. O vereador Eduardo Azevedo, entusiasta da prática, procurou médicos da rede pública para sugerir a prática por meio do uso de medicamentos como hidroxocloroquina e ivermectina. Em pronunciamento na Tribuna Livre, o vereador afirmou vai continuar incentivando o uso das substâncias. “Não tem ninguém forçando nada. Se você não quer se medicar, não impeça os que querem. Eu não vou parar de defender o ‘tratamento precoce’ e não adianta publicar indiretas em redes sociais ou mesmo denunciar ao Conselho Municipal”, destacou. (Portal Agora – Divinópolis)


O que você também vai ler neste artigo:

  • Hospital Universitário retoma atividades
  • Escola municipal recebe escritora
  • Aumento da incidência de Aedes
  • Telemedicina já atendeu mais de mil
  • Prefeitura lança Busão Social

Hospital Universitário retoma atividades

Após a suspensão de parte dos serviços do Hospital Universitário (HU) da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), trabalhadores vinculados à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) retomaram as atividades nesta sexta-feira, 14. A decisão se deu a partir da decisão do Tribunal Superior do Trabalho (TST), que estabeleceu multa de R$100 mil por dia de paralisação dos serviços médicos. No município, cerca de 40% dos 1.100 servidores aderiram à greve, afetando as unidades dos bairros Dom Bosco, Santa Catarina e Dom Bosco (Serviço de Psiquiatria). (Tribuna de Minas – Juiz de Fora)

Escola municipal recebe escritora

Com o intuito de promover o letramento literário e despertar o prazer pela leitura em alunos do Ensino Fundamental, a Escola Municipal Professora Hilda Carvalho Mendes, de Montes Claros, recebeu a escritora, contadora de histórias e professora, Éllen Santa Rosa, que participou da abertura do projeto Bate-papos Literários. Na ocasião, a autora conversou com os alunos a respeito de sua profissão e suas estratégias para conseguir inspirações, destacando que todos podem desenvolver trabalhos deste caráter. Para mais, a professora mencionou a importância da leitura para a vida escolar e sorteou dois livros de sua autoria. (Gazeta Norte Mineira – Montes Claros)

Aumento da incidência de Aedes

Conforme indica o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), sobre a incidência do mosquito Aedes Aegypti, os casos prováveis de dengue na região centro-oeste de estado registrou alta de 1,19%. De acordo com o levantamento, o aumento foi de 15 casos, já que no boletim anterior o total foi de 1.256, enquanto o atual chega a 1.271, visto que uma morte foi registrada. Para mais, ainda foram registrados 291 casos prováveis de chikungunya e três de de zika; sendo que ninguém faleceu em decorrência dessas doenças. (Jornal Pará de Minas)

Telemedicina já atendeu mais de mil

Como alternativa à exaustão do sistema de saúde municipal de Uberaba, a entidade Sociedade Civil Organizada (SCO) colocou em prática, nas últimas semanas, um movimento voluntário de telemedicina. No sistema, médicos envolvidos com o atendimento inicial e o acompanhamento de pacientes por meio de contatos virtuais. Mais de mil pessoas já tiveram acesso aos serviços, o que, de acordo com a organização, é surpreendente; posto que a central de médicos sofre com a sobrecarga devido à insuficiência de voluntários. (Jornal da Manhã – Uberaba)

Prefeitura lança Busão Social

Como nova alternativa para assistir à população em situação de vulnerabilidade social, a Prefeitura Municipal de Uberlândia apresentou o projeto Busão Social, que se dá como uma nova ferramenta itinerante da Secretaria de Desenvolvimento Social, Trabalho e Habitação (Sedesth). O principal objetivo da ação é facilitar o acesso aos serviços dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) e do Centro Administrativo Municipal, visto que o Busão Social se trata de uma unidade móvel e deve percorrer toda a cidade, com equipes para orientar as comunidades sobre a inserção em benefícios, programas e serviços, além de providenciar os encaminhamentos para solucionar as demandas apresentadas. (Diário de Uberlândia)

Rede de Notícias do Sindijori MG