Coluna MG

Subsídio para tarifa de ônibus

13 de julho de 2021

O projeto de lei que define a concessão de um subsídio municipal ao sistema de transporte coletivo urbano de Juiz de Fora já chegou ao órgão Legislativo e o repasse dos recursos às concessionárias foi definido em mesa de diálogo criada pelo Executivo, para discutir, estudar e buscar soluções para o sistema. Esta foi a solução encontrada para garantir a manutenção do valor da tarifa do serviço nos atuais R$ 3,75. A proposta pretende repassar às concessionárias um total de R$11,9 milhões. De acordo com o projeto de lei, o montante será transferido em seis parcelas, sendo as cinco primeiras no valor de R$ 1,7 milhão e a sexta e última, de R$ 3,4 milhões. (Tribuna de Minas – Juiz de Fora)


O que você também vai ler neste artigo: 

  • Inscrições abertas para projeto
  • Alimentos para famílias em pobreza
  • Falta de recursos impede recapeamento
  • Uberlândia disponibiliza biblioteca virtual
  • Retomada dos serviços de saúde

Inscrições abertas para projeto

As inscrições para o Projeto de Reuso de Águas Cinzas Reabastecer, criado em parceria entre a Copasa e o Ministério Público de Minas Gerais, estão abertas até o próximo dia 17. Ao todo, mil famílias residentes de Ipatinga e cadastradas no projeto serão beneficiadas com a ação, que visa gerar uma economia de água em residências, por meio de bombonas. A iniciativa consiste na doação de kits compostos por uma bombona de 240 litros. O objetivo é que seja possível realizar o armazenamento das águas cinzas, que são águas de pias, máquina de lavar e chuveiro para que possam ser consumidas depois para usos não nobres, como lavar quintal, garagem, carro, dentre outros. (Diário do Aço – Ipatinga)

Alimentos para famílias em pobreza

A Prefeitura de Montes Claros anunciou que vai adquirir gêneros alimentícios da agricultura familiar para atender 7.583 famílias em situação de extrema pobreza, que vivem na área urbana e na zona rural do município e que são atendidas pelos 11 Centros de Referência em Assistência Social (CRAS) da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social. A sessão do processo de chamamento público será realizada nesta quinta-feira, 15, e o investimento deve ser de cerca de R$1 milhão. Os produtores rurais deverão realizar a entrega dos alimentos de forma parcelada, sendo que os mesmos serão inspecionados para verificação da qualidade, peso e estado dos produtos. (Gazeta Norte Mineira – Montes Claros)

Falta de recursos impede recapeamento

Apesar das constantes reclamações sobre a qualidade das vias públicas em Uberaba, o Governo Municipal anunciou que não deve arcar com obras de recapeamento este ano. De acordo com o secretário adjunto da Secretaria de Serviços Urbanos e Obras (Sesurb), Pedro Henrique Arduini Guedes, o Executivo não tem recursos suficientes para financiar os trabalhos. Este cenário está sendo coberto pela ação da operação “Tapa Buracos”, que atende as demandas bairristas da cidade e faz o trabalho de contenção das falhas estruturais das ruas. (Jornal da Manhã – Uberaba)

Uberlândia disponibiliza biblioteca virtual

O Projeto “Clube das Palavras” disponibilizará para a população de Uberlândia acesso a uma biblioteca digital durante a pandemia de covid-19. A ação é fruto de parceria entre a Biblioteca Municipal Juscelino Kubitscheck de Oliveira com a Orgaização Não Governamental (Ong) Recode e a biblioteca digital Tocalivros. A inscrição é gratuita, mas as vagas são limitadas. O Clube das Palavras é um projeto já existente na cidade, sendo que as pessoas podem colaborar, fornecendo resenhas, curiosidades e outras atividades relacionadas à literatura. Estas mesmas pessoas também poderão acessar mais de 5 mil e-books de vários temas e com ferramentas interativas. (Jornal 10 – Uberlândia)

Retomada dos serviços de saúde

Capinópolis retomou as consultas e avaliações para exames de mamografia, endoscopia, tomografia e cirurgias de catarata, visto que os mesmos estavam suspensos desde 2020 devido a pandemia de covid-19. Segundo As informações da Prefeitura Municipal, a retomada foi possível por meio de um aditivo contratual com o consórcio público intermunicipal de saúde do triângulo mineiro (CISTM), com um recurso destinado pelo Deputado Federal Zé Vitor, que vai permitir a realização de mais de 150 cirurgias oculares e aproximadamente 500 exames de média complexidade. (Tudo em Dia – Ituiutaba)

Rede de Notícias do Sindijori MG