Coluna MG

Araxá quer comprar vacina

16 de março de 2021

A Prefeitura de Araxá intensificou a busca para aquisição de vacinas contra Covid-19 nos últimos dias. Desde a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que permite estados e municípios adquirirem imunizantes, caso haja falhas no planejamento por parte da União, a Administração Municipal entrou em contato com empresas internacionais de distribuição de medicamentos para compra de 100 mil doses. No final de semana, o prefeito Robson Magela assinou de forma oficial a intenção de aquisição da vacina russa Sputnik V. (Correio de Araxá)


O que você também vai ler neste artigo:

  • Audiência de concessão
  • Educação financeira
  • Montes Claros paga tarifas
  • Viçosa sem covid em presídios
  • Centro-Oeste na onda roxa

Audiência de concessão

A Secretaria Municipal de Turismo de Poços de Caldas está organizando para o próximo dia 31 a terceira audiência pública sobre o processo de concessão dos pontos turísticos da cidade. A audiência acontece em formato virtual e outra forma de participação é por meio de uma Consulta Pública, que também foi aberta. Os interessados poderão enviar suas dúvidas, sugestões e comentários para o endereço eletrônico: [email protected] até às 18h do dia 5 de abril. (Jornal Mantiqueira- Poços de Caldas)

Educação financeira

Foi sancionada pelo prefeito Angelo Oswaldo, a lei que estabelece a inclusão de conceitos de educação financeira na rede municipal de ensino de Ouro Preto – projeto de autoria do vereador Renato Zoroastro. O vereador comentou sobre a importância da iniciativa: “Como professor, me preocupo bastante com questões relacionadas a educação e, principalmente, assuntos que possam contribuir com o desenvolvimento integral dos alunos. É muito importante dar significado a assuntos ligados ao cotidiano dos estudantes para que possam aplicar no dia a dia o que aprendem na sala de aula”, afirmou. (Jornal O Liberal- Itabirito)

Montes Claros paga tarifas

A Prefeitura de Montes Claros estará pagando de R$ 1,00 a R$ 6,00 para os bancos receberem os tributos municipais, como impostos e taxas. Todos os contratos foram assinados com base no Processo 035/2021 na modalidade de Inexigibilidade de Licitação 006/2021, para a contratação de instituições financeiras para prestação de serviços bancários de recolhimento de tributos, impostos, taxas, dívida ativa, multa e demais receitas públicas devidas ao Município de Montes Claros, através do Documento de Arrecadação Municipal em padrão Febran. Montes Claros tem uma média de recebimento de R$ 500 mil de impostos por ano. (Gazeta Norte Mineira- Montes Claros)

Viçosa sem covid em presídios

Desde o início da pandemia do novo Coronavírus, nenhum detento foi contaminado pela Covid-19 no presídio de Viçosa. A cidade é a única na Zona da Mata e Campo das Vertentes com zero casos da doença em uma unidade prisional. Seis presídios registraram, ao todo, 136 casos de Covid-19 em detentos desde o início da pandemia. O levantamento foi feito pela Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), por meio do Departamento Penitenciário de Minas Gerais (Depen-MG). Os dados são de março de 2020 até a última terça, 9. (Folha da Mata- Viçosa)

Centro-Oeste na onda roxa

No último sábado, 13, 27 municípios do Centro-Oeste MG aderiram à Onda Roxa, classificação mais restritiva do plano Minas Consciente. Decisão foi tomada devido a piora da doença na região, alguns municípios já tiveram os leitos esgotados como Formiga e Lagoa da Prata nas últimas semanas. Mesmo sem a decisão do estado, os prefeitos fizeram a reunião. Os municípios devem permanecer 15 dias seguindo as medidas da Onda Roxa. A etapa mais restritiva foi confirmada pelo governador Romeu Zema no dia 3 de março, durante coletiva de imprensa. A Onda Roxa está sendo imposta aos municípios que estiverem à beira do colapso do sistema de saúde. (Jornal da Cidade MG- Lagoa da Prata)

Rede de Notícias do Sindijori MG