Coluna MG

60 pessoas recebem vacina errada

COLUNA MINAS GERAIS

8 de janeiro de 2022

60 pessoas que buscavam pela imunização contra a Covid-19 na Unidade Básica de Saúde de Santa Cruz, Zona Norte de Juiz de Fora, receberam, equivocadamente, a vacina pentavalente, que garante proteção contra difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e bactéria haemophilus influenza tipo B. Em nota, a Secretaria de Saúde da Prefeitura apontou o erro e informou ter buscado contato com todas as pessoas vítimas do equívoco, para que recebessem o imunizante contra a Covid-19. A secretaria esclareceu que não há nenhum problema de compatibilidade entre as vacinas aplicadas, e, portanto, nenhum risco à saúde das pessoas que tenham recebido os dois imunizantes. (Tribuna de Minas – Juiz de Fora)

Uberaba proíbe nepotismo

Desde o dia 29 de dezembro de 2021, a prática de nepotismo – quando um agente público usa da posição dele para favorecer, nomear ou contratar um ou mais parentes – está oficializada e proibida em Uberaba. Segundo o decreto publicado pela Prefeitura, a medida é válida para a administração pública direta e indireta, o que incluiu o Executivo, autarquias, fundações e sociedades de economia mista. O decreto disciplina a aplicação, no município, da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que proíbe o nepotismo em todas as esferas. (Jornal de Uberaba)

Alfenas reabre hospital

A Prefeitura de Alfenas vai reabrir o Hospital de Campanha da cidade devido à alta de casos de Covid-19 registrada nesta semana. A prefeitura informa ainda que vai cancelar o carnaval e suspender alvarás para novas festas na cidade. Conforme o comunicado divulgado nas redes sociais, as duas unidades de PSF que já eram referência para atendimento de casos de Covid-19 na cidade deverão continuar sendo os procurados pela população. Ainda conforme a prefeitura, para as festas já autorizadas, serão exigidas todas as medidas sanitárias, especialmente uso de máscaras, álcool em gel, distanciamento e controle de público. (Diário Regional – Pouso Alegre)

Formiga paga servidores com Fundeb

O valor global do abono Fundeb será pago a servidores da educação municipal de Formiga. Serão R$ 321.448,22 divididos entre 456 trabalhadores de forma proporcional. O abono, em caráter provisório e excepcional, será concedido aos profissionais da Educação Básica, vinculados à Secretaria Municipal de Educação e Esportes, remunerados por meio do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). O valor a ser repassado aos profissionais da Educação Básica será pago em parcela única. (Nova Imprensa – Formiga)

Balança comercial com superávit

A balança comercial mineira encerrou 2021 com superávit de US$ 25,1 bilhões, segundo dados do Ministério da Economia. O valor é 38,6% superior ao saldo de 2020, quando a diferença entre exportações e importações do Estado somou US$ 18,1 bilhões. No ano que passou, mais uma vez, o comércio exterior de Minas Gerais teve as commodities, especialmente as minerais e agrícolas, dominando a pauta de exportações e os produtos manufaturados ditando o ritmo das importações. (Diário do Comércio – Belo Horizonte)

Prefeitos pedem pela Agência

A prefeita de Guanhães, juntamente com os prefeitos Boby Leão, de Virginópolis, Beto Mourão, de Sabinópolis, Joventino, de Materlândia, Rodrigo Coelho, de Divinolândia de Minas, Ronan Portilho, de Senhora do Porto, e Welerson de Souza, de Dores de Guanhães, assinaram manifesto para a manutenção dos atendimentos e serviços ofertados pela Agência da Previdência Social (APS) de Guanhães. A APS-Guanhães atende os sete municípios que fazem parte da sua jurisdição, reconhecida pela Previdência Social, mas também atende à população de vários outros municípios. (Diário do Rio Doce – Governador Valadares)