• Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

       
    ÁREA DO
    ASSINANTE
    ESQUECEU SUA SENHA?
    Você receberá em seu e-mai uma nova senha para login.
    

    Assine 35 3529-2750

    Fale Conosco contato@clicfolha.com.br

    WhatsApp 35 9 9956-5000

    
    06/12/2019 08h41 - Atualizado em 06/12/2019

    Matagal atrapalha pedestres e moradores na Av. da Moda

    Seção Livre

    Moradores e pedestres reclamam de mato na calçada da avenida Comendador Francisco Avelino Maia, na altura da esquina com a rua Sete Setembro, no bairro Belo Horizonte, em Passos. No mesmo local, além do mato na calçada, também, há um matagal em um terreno. De acordo com o relato de um morador, o mato no terreno já ultrapassa a altura do muro que cerca o local. “O matagal é maior que eu, não consigo ver dentro do terreno para ver se tem lixo, mas, provavelmente deve ter recipientes que podem ser encobertos de água. Não sei se essa área pertence à quadra que fica quase ao lado”, disse o morador. Ainda segundo o morador, a vegetação que cresce na calçada atrapalha o tráfego de pedestres. “Tenho que desviar para passar pelo passeio, o serviço de roçada não é feito. É uma vergonha. Quem vem de outra cidade, deve até ficar assustado, porque quase em todos os bairros têm uma rua que está com mato alto. A prefeitura não toma nenhuma providência. Parece que essa cidade está sem administração”, afirmou um leitor da Folha. Os moradores pedem que os funcionários da zoonose possam entrar no terreno e verificar se tem algum recipiente que possa acumular larvas do mosquito da dengue. Eles também solicitam que a Prefeitura notifique o proprietário do imóvel.

     

    Resposta:

     

    A reportagem da Folha encaminhou a reclamação para a assessoria de imprensa da PMP, mas, até o fechamento desta edição, não obteve resposta. 

    Mais sobre a editoria

    Guia da Cidade
    INCLUA SEU ESTABELECIMENTO

    Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

    © 1984 - 2020 Folha da Manhã. Todos os direitos reservados.
    Desenvolvido por Mediaplus