• Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

       
    ÁREA DO
    ASSINANTE
    ESQUECEU SUA SENHA?
    Você receberá em seu e-mai uma nova senha para login.
    

    Assine 35 3529-2750

    Fale Conosco contato@clicfolha.com.br

    WhatsApp 35 9 9956-5000

    
    29/11/2019 10h28 - Atualizado em 29/11/2019

    Terreno baldio preocupa moradores do Canjeranus

    PASSOS - Uma assinante da Folha entrou em contato com o jornal e informou que um terreno baldio tornou-se depósito de lixo. A área fica bem próxima da casa dela, situada na rua Canjeranus, no bairro Canjeranus, ao lado do número 1.174. Na semana passada, um sofá foi colocado no local, mas a entrevistada disse que o colocou no canteiro com o intuito de que algum fiscal da Prefeitura pudesse ver e solicitar a remoção. Sobre o proprietário do terreno, “ele não cuida e não está nem aí se essa área estiver cheia de lixo. Eu que tenho que ficar limpando, porque se alguém tiver dengue, podemos morrer. Essa doença não é brincadeira. As pessoas não param de descartar entulho aqui. Fico fiscalizando, porque já tive dengue e sei que é muito complicado. Tem mais de dez anos que peço para que alguém tome providência”, contou a moradora. E ela também disse que já chegou a falar pessoalmente com o prefeito Carlos Renato Lima Reis, o Renatinho Ourives, mas em resposta ele disse que a administração municipal não tinha dinheiro. “Não pedi para ele usar dinheiro para limpar o terreno, mas, sim, para cobrar o proprietário. A multa que a gestão municipal manda a esses donos desses imóveis é um valor bem baixo, por isso eles não limpam o terreno”, alegou. Vale lembrar que, na terça-feira, 26, a entrevistada avisou que o sofá ainda estava no canteiro. “Estou ligando desde a semana passada. Pedi para a Prefeitura remover o sofá e, até hoje, nada. Parece que eles têm preguiça de fiscalizar a cidade”, finalizou.

    Resposta:

    A reportagem da Folha encaminhou a reclamação para a assessoria de imprensa da PMP, mas, até o fechamento desta edição, não obteve resposta. 

    Mais sobre a editoria

    Guia da Cidade
    INCLUA SEU ESTABELECIMENTO

    Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

    © 1984 - 2020 Folha da Manhã. Todos os direitos reservados.
    Desenvolvido por Mediaplus