• Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

       
    ÁREA DO
    ASSINANTE
    ESQUECEU SUA SENHA?
    Você receberá em seu e-mai uma nova senha para login.
    

    Assine 35 3529-2750

    Fale Conosco contato@clicfolha.com.br

    WhatsApp 35 9 9956-5000

    
    17/10/2019 10h05 - Atualizado em 17/10/2019

    Coluna de Minas: Audiência debaterá atrasos nos voos

    A rotina de atrasos em voos da companhia Azul no Aeroporto Regional do Vale do Aço levou a Comissão de Transporte, Comunicação e Obras Públicas da Assembleia Legislativa de Minas Gerais interceder em favor dos usuários do serviço na região. Uma audiência pública foi aprovada para debater uma solução. Comparando com outros aeroportos regionais de Minas Gerais, como de Montes Claros e Uberlândia, apurou-se que os atrasos mais demorados desta companhia em Minas ocorreram no aeroporto do Vale do Aço. Em Montes Claros, as decolagens e aterrisagens atrasaram em 21,8% dos voos. Em Uberlândia 15,2% dos voos atrasaram. Já no Vale do Aço esse número é de quase 30% dos voos. (Diário do Aço – Ipatinga)

    Câmara aprova coleiras inseticidas

    Requerimento que prevê a colocação gratuita e maciça da coleira Scalibor (com inseticida) nos cães de rua de Montes Claros, com vistas a prevenir a Leishmaniose visceral, foi aprovado por unanimidade na Câmara Municipal. “É melhor espantar o mosquito do que sacrificar o cão ou remediar um paciente. Acredito que a combinação das ações de castração, colocação de coleiras e vacinação possa reduzir a quantidade de Leishmaniose em Montes Claros”, afirmou o vereador Fábio Neves, autor do requerimento. Ele reforça que os cães não são os vilões. (Jornal O Norte- Montes Claros)

    Saguão recebe exposição “Doze Guerreiras”

    A população que passa pelo saguão do Centro Administrativo da Prefeitura de Uberaba vai se encantar a partir desta quarta-feira, 16, com a mostra “A verdadeira felicidade”, do Grupo Doze Guerreiras, em parceria com a Unimed. Exibida no local sob iniciativa da Secretaria de Administração, por meio da Superintendência de Gestão Estratégica de Pessoas, a exposição é composta por fotos de Francis Prado e textos de Rose Dutra. Rodrigo Vieira, secretário de Administração, declara que a iniciativa junto ao Grupo Doze Guerreiras visa a destacar o Outubro Rosa sob uma visão de garra, esperança e força feminina. (Jornal de Uberaba)

    Formiga está acima da média do BPC

    Atualmente, Formiga possui 1580 pessoas que são assistidas pelo Governo Federal, por meio do Benefício de Prestação Continuada (BPC). De acordo com a equipe gestora do Cadastro Único, que é coordenada pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano, 1440 beneficiários estão inseridos no CadÚnico, o que representa 91% dos cidadãos beneficiados. Desta maneira, Formiga está acima da média estadual, que é 89%. Desde a publicação do decreto 8.805/2016, que define a inclusão dos beneficiários do BPC no Cadastro Único do Governo Federal, a equipe gestora desenvolve atividades de monitoramento e busca ativa para a inclusão das pessoas beneficiadas. (Jornal Nova Imprensa- Formiga)

    Doadores de sangue terão prioridade 

    A Câmara Municipal de Leopoldina aprovou o Projeto de Lei Ordinária nº 19/2019 que dispõe sobre o atendimento prioritário aos doadores de sangue em todas as repartições públicas, hospitais, bancos, clínicas, casas lotéricas, locais de atendimento ao público e de eventos em todo o território do Município de Leopoldina. De autoria da vereadora Kélvia Raquel, a proposição determina que o atendimento prioritário em hospitais deve respeitar os protocolos já existentes, no que diz respeito a atendimento de urgência. O doador vai fazer valer o seu direito após esse enquadramento, ou vai poder usá-lo em atendimento interno, como secretaria. (Jornal Leopoldinense- Leopoldina)

    Mariana inicia racionamento de água

    Há quase 100 dias sem chuvas constantes no Estado, Mariana vive momentos de dificuldades em seu fornecimento de água à população. Além da escassez hídrica, problemas estruturais e alto consumo têm contribuído de forma preocupante com a falta de abastecimento em alguns pontos da cidade. Desse modo, para que todos tenham a possibilidade de ter abastecimento de forma mais equilibrada (levando em consideração a infraestrutura de cada sistema de distribuição), o Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Mariana realiza nesta semana o fornecimento de água de forma alternada em todos os pontos da cidade até que o nível das captações volte ao normal e que a disponibilidade de água seja recuperada. (Portal da Cidade- Mariana) 

    Divulgao
    Divulgação

    Mais sobre a editoria

    Guia da Cidade
    INCLUA SEU ESTABELECIMENTO

    Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

    © 1984 - 2019 Folha da Manhã. Todos os direitos reservados.
    Desenvolvido por Mediaplus