• Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

       
    ÁREA DO
    ASSINANTE
    ESQUECEU SUA SENHA?
    Você receberá em seu e-mai uma nova senha para login.
    

    Assine 35 3529-2750

    Fale Conosco contato@clicfolha.com.br

    WhatsApp 35 9 9956-5000

    
    17/09/2019 08h46 - Atualizado em 17/09/2019

    Coluna de Minas: Conta de água dobra em Ipatinga

    Alguns consumidores residenciais da Copasa levaram um susto com a conta de água referente ao consumo entre os meses de agosto e setembro. Em alguns casos o valor quase dobrou. Faltam explicações claras a respeito das contas. Em primeiro de agosto entrou em vigor um reajuste de 8,38%, mas conforme os consumidores, na prática a conta veio com um valor bem acima. No caso de um condomínio residencial no bairro Parque das Águas, em Ipatinga, a conta saltou de R$ 1.095,42 para R$ 2.114,72, uma diferença de 48,20%. A Copasa informou que o esclarecimento de dúvidas pontuais sobre a conta de água deve ser realizado diretamente na agência de atendimento localizada na cidade. (Diário do Aço – Ipatinga)

    Falta vacina pentavalente em Divinópolis
    Não há vacina pentavalente no estoque da Secretaria de Saúde de Divinópolis. A substância imuniza contra cinco doenças: tétano, difteria, coqueluche, hepatite B e doenças causadas por haemophilus influenza tipo B. De acordo com o município, não há previsão de normalizar a situação. O estoque da vacina BCG, que previne contra a tuberculose, também está reduzido na cidade. Por causa disso, muitos pais têm recorrido a clínicas particulares. O Ministério da Saúde que repassa as doses para os estados e depois para os municípios informou que as vacinas pentavalentes devem ter os estoques abastecidos em outubro. (Jornal Nova Imprensa- Formiga)

    Dmae alerta sobre desabastecimento
    O Departamento Municipal de Água e Esgoto (Dmae) emitiu um novo alerta na noite da última sexta-feira, 13, sobre a necessidade de economizar água em Uberlândia. Devido ao período estiagem, as vazões dos rios que abastecem a cidade continuam baixando ao mesmo tempo em que o consumo de água tratada pela população tem se elevado. Na tentativa de evitar o desabastecimento, o Dmae iniciou, ainda na sexta, manobras em registros do sistema de fornecimento nos bairros mais afetados, que se concentram nas regiões leste e sul da cidade. (Diário de Uberlândia)
    Índice de Gestão 

    Municipal é divulgado
    O Tribunal de Contas divulgou os resultados do Índice de Efetividade da Gestão Municipal (IEGM) referentes ao exercício de 2018 das cidades mineiras. A nota média dos 811 municípios que responderam ao questionário, levando em conta os sete eixos da administração pública analisados: Educação, Saúde, Planejamento, Gestão Fiscal, Meio Ambiente, Proteção das Cidades e Governança em Tecnologia da Informação, foi de 0,6, numa escala que vai de zero a um ponto. Com isso, a nota média dos municípios mineiros atingiu a classificação B no IEGM. Na região, os municípios de Caratinga, Entre Folhas e Vargem Alegre apresentaram os melhores índices: B (Efetiva). (Diário de Caratinga)

    Embriaguez mais que dobra nas estradas
    Dirigir alcoolizado está entre os cinco principais fatores de risco para a mortalidade no trânsito no Brasil, de acordo com o Ministério da Justiça e Segurança Pública. Apesar do rigor da Lei Seca, o número de motoristas conduzindo veículos sob influência de álcool cresceu de forma significativa nas rodovias estaduais que cortam Juiz de Fora. De 1º janeiro até o dia 18 de julho deste ano, a Polícia Militar Rodoviária autuou 76 condutores por estarem dirigindo sob efeito de álcool. E em todo o ano passado foram 36 ocorrências, ou seja, menos da metade dos resultados dos sete primeiros meses de 2019. (Tribuna de Minas- Juiz de Fora)

    Restauração de estação é iniciada
    Após vários anos de batalhas e solicitações da população contagense, a Prefeitura de Contagem, por meio da Secretaria de Cultura, Esporte e Juventude, e do Conselho Municipal do Patrimônio Cultural, em acordo firmado junto à empresa Vale Logística – VLI, deu início às obras de recuperação e restauração da Estação Bernardo Monteiro. A estação foi desativada em 1988, deixando de servir ao transporte de passageiros, e utilizada como base operacional até o ano de 2011, mantendo os aspectos físicos e arquitetônicos, bem como os serviços de manutenção, conservação e vigilância. A situação atual da estação era precária, existindo, inclusive, o risco de perdê-la definitivamente. (Jornal O Folha- Contagem)  

    17/09/2019
    8 / 1

    Coluna de Minas: Conta de água dobra em Ipatinga

  • Mais sobre a editoria

    Guia da Cidade
    INCLUA SEU ESTABELECIMENTO

    Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

    © 1984 - 2019 Folha da Manhã. Todos os direitos reservados.
    Desenvolvido por Mediaplus