• Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

       
    ÁREA DO
    ASSINANTE
    ESQUECEU SUA SENHA?
    Você receberá em seu e-mai uma nova senha para login.
    

    Assine 35 3529-2750

    Fale Conosco contato@clicfolha.com.br

    WhatsApp 35 9 9956-5000

    
    14/09/2019 10h31 - Atualizado em 14/09/2019

    Globo lança nova série numa "aula" em SP

    Diretores, autoras e grande elenco apresentam a nova série da Globo, em coprodução com a O2 Filmes, que tenta mostrar a realidade do ensino noturno para jovens e adultos, no universo da Educação

    Quando o sinal tocou, a turma formada por jornalistas e influenciadores ocupou as carteiras da sala de aula montada nos estúdios da Globo, em São Paulo, para a matéria de quinta-feira, dia 12: ‘Segunda Chamada’. É que estavam reunidos ali, na frente da lousa, as autoras Carla Faour e Julia Spadaccini, a diretora artística Joana Jabace e grande elenco para o evento de lançamento da nova série da Globo, em produção com a O2 Filmes.

    Em um cenário cheio de referências ao ambiente escolar, os convidados assistiram às primeiras imagens de ‘Segunda Chamada’, gravada em locações de São Paulo, e conversaram sobre os personagens, a trama de cada episódio, a locação da fictícia Escola Estadual Carolina Maria de Jesus e a realidade do ensino noturno para jovens e adultos, principal retrato que a série faz dentro do universo da Educação.

    “Retratar essa ponta esquecida e muito pouco explorada na ficção foi uma grande honra. São alunos, adultos, que querem acreditar nessa nova chance, nesse novo começo. Eles escolhem estar ali. E a diversidade dessas pessoas é o que torna a história da série ainda mais bonita. É um quase um recorte da nossa sociedade”, disse Carla Faour, que assina a obra ao lado de Julia Spadaccini. “Muitas pessoas não sabem o que é o ensino noturno. Nosso desafio foi fazer algo muito próximo da realidade. Foram 2 anos de trabalho, mergulhadas em pesquisas com escolas, diretores e alunos. Muitas das histórias foram inspiradas no conhecimento desse novo lugar”, complementou Julia.

    Também foi grande o interesse sobre os recursos da direção artística para impressão do realismo nas cenas, a escolha da locação e a escalação dos atores, até então pouco conhecidos do grande público na TV. “Fiquei muito emocionada quando li o texto e achei que o melhor jeito de contar essa história era deixar que os atores fossem o grande destaque. Conseguimos formar um elenco diverso e coeso, num processo de preparação de muita escuta, de muita troca. Além disso, a locação da escola marca uma verdade de maneira muito forte. Estou muito orgulhosa do trabalho que todos nós realizamos”, contou Joana Jabace, diretora artística.

    Especialmente quando os atores falaram sobre a preparação necessária para a criação dos personagens e as lições aprendidas durante o percurso, a conversa alternou momentos de diversão e emoção em torno das histórias de superação de alunos e professores que, por vontade própria, enfrentam uma dupla jornada para lecionar e aprender. “Para compor a Lúcia, minha personagem, fui a muitas escolas de ensino para jovens e adultos; e conversei com muita gente. O que me tocou muito foi ver como os professores são comprometidos com o trabalho e especialmente com os alunos. Só reforçou minha esperança vê-los ensinar. Saber que tem gente que acredita que este trabalho vai transformar o país em algo melhor só me fez bem. Acredito que essa seja uma série a ser dedicada aos professores, a esses heróis”, comentou Debora Bloch.

    Além da atriz, também estiveram presentes os atores Paulo Gorgulho, Thalita Carauta, Hermila Guedes, Carol Duarte, Felipe Simas, Mariana Nunes, Linn da Quebrada, José Dumont, Carol Duarte, Vinícius de Oliveira, Arthur Volpi, Júlio Silvério, William da Costa, Elzio Vieira, Raquel Ferreira, José Trassi, Teca Pereira, Ingrid Gaigner, Ariane Souza e Leonardo Bittencourt.

    Reflexão

    ‘Segunda Chamada’ chega a Globo no dia 8 de outubro como um convite à reflexão sobre o poder transformador da Educação, exaltando as vivências e os exemplos de força de vontade das figuras que compõem o ensino noturno para jovens e adultos: os professores que, apaixonados pelo ofício, adotam uma postura missionária para garantir a presença dos estudantes nas carteiras da escola; e os alunos, que acreditam no efeito que a Educação pode ter em suas vidas e, por isso, dedicam-se aos estudos, por livre e espontânea vontade, depois de um longo dia de trabalho. E tudo isso, em meio aos dramas pessoais que acabam também chegando à escola.

    A série é uma coprodução da Globo com a 02 Filmes, escrita por Carla Faour e Julia Spadaccini com Maíra Motta, Giovana Moraes e Victor Atherino, criada por Carla Faour, Julia Spadaccini e Jo Bilac. Com direção artística de Joana Jabace, a obra conta com a direção de Breno Moreira, João Gomez e Ricardo Spencer. 

    Mais sobre a editoria

    Guia da Cidade
    INCLUA SEU ESTABELECIMENTO

    Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

    © 1984 - 2019 Folha da Manhã. Todos os direitos reservados.
    Desenvolvido por Mediaplus