• Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

    ÁREA DO
    ASSINANTE
    ESQUECEU SUA SENHA?
    Você receberá em seu e-mai uma nova senha para login.
    

    Assine 35 3529-2750

    Fale Conosco contato@clicfolha.com.br

    WhatsApp 35 9 9956-5000

    
    12/06/2019 09h44 - Atualizado em 12/06/2019

    Passarela de santuário está irregular

    Seção Livre

    Passenses que têm o costume de frequentar o Santuário da Penha, na avenida Brasil, no bairro Penha, pedem para que a Prefeitura possa arrumar uma passarela que fica bem na rua Trindade. A passarela foi obstruída, e pedestres, principalmente idosos, tropeçam. Além disso, cadeirantes não conseguem subir na calçada por conta da irregularidade. De acordo com uma cidadã, no último domingo, 9, uma senhora acabou batendo a sandália em uma parte elevada da passarela e, em consequência disso, teve sua unha arrancada. “Quando você passa no local, acaba nem reparando a irregularidade, mas, quando você faz uso dela, nota que está bem precária. Se fizer o ajuste, que é uma coisa muito simples, fazendo uma rampa novamente, vai ficar bem melhor. É muito triste você se preparar para ir à missa e, ao chegar, acabar se ferindo por algo que, querendo ou não, não era nem para ter”, alegou. Além disso, um cadeirante entrou em contato com a reportagem da Folha e informou que, quando precisa ir ao santuário ou, então, quando está andando para ir a algum lugar, tem que optar por passar pelo meio da via, uma vez que sua cadeira, muitas das vezes, não consegue subir. “Como todo mundo já sabe, o certo é o pedestre atravessar a rua sobre a faixa de pedestres, certo? Nessa rua Trindade tem uma, mas, como vamos atravessar sendo que, do outro lado, ou seja, a passarela, não apresenta condições adequadas? Quando eu estou só, tenho que andar pela lateral da via, porque esse passeio está com partes elevadas, acredito que seja pelo fato de a raiz de uma árvore ter destruído. Faz muito tempo que está assim. Quando que a Prefeitura vai dar atenção à acessibilidade nessa cidade?”, questionou. Por fim, um morador da localidade disse que já entrou em contato com a Secretaria de Obras para que algo fosse feito, porém, não obteve nenhum êxito. “Quero ver se a Prefeitura vai tomar alguma atitude, porque uma pessoa se machucou na semana passada. Além do mais, já vi outros idosos e crianças tropeçarem também, ou seja, alguém pode cair a qualquer momento”, finalizou.

    Resposta:
     A Prefeitura de Passos informou que enviará uma equipe da Secretaria de Obras, Habitação e Serviços Urbanos para que sejam estudadas as melhores medidas para resolver o problema no local.

     

    Mais sobre a editoria

    Guia da Cidade
    INCLUA SEU ESTABELECIMENTO

    Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

    © 1984 - 2019 Folha da Manhã. Todos os direitos reservados.
    Desenvolvido por Mediaplus