• Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

    ÁREA DO
    ASSINANTE
    ESQUECEU SUA SENHA?
    Você receberá em seu e-mai uma nova senha para login.
    

    Assine 35 3529-2750

    Fale Conosco contato@clicfolha.com.br

    WhatsApp 35 9 9956-5000

    
    22/05/2019 09h35 - Atualizado em 22/05/2019

    Moradores reclamam de calçada com mato, areia e resíduos

    Calçada coberta de areia e mato, com meio-fio cheio de grama, resíduos e vegetação seca, na rua Carpas, no bairro Vila Rica, em Passos, em frente ao número 97, impede que os pedestres consigam andar sobre o passeio, ou seja, a maioria deles tem de andar pelo meio da via. Segundo um leitor da Folha, se um cadeirante andar pelo local, vai ter muita dificuldade, uma vez que ele vai ter que dividir espaço com os veículos. “Fico preocupado, pois passa veículos nessa rua, e ela não é tão larga, um cadeirante vai custar a passar, passeio não tem como, é ilusão. Agora, já vi uma mulher passando com carrinho de bebê e tinha que ficar parando a quase todo momento, porque os motoristas não davam a preferência para ela se locomover”, contou. A reportagem da Folha esteve no local e verificou que tem até a presença de garrafa de cerveja em cima da areia e alguns utensílios. E, no momento que a equipe do jornal estava no local, as pessoas que caminhavam pela via, quando se aproximavam da calçada em questão, tinham de andar no meio da rua. “Não sei se é a Prefeitura que fica por conta de fazer a roçada das ruas. Caso for, por que não faz? Se bem que eu não vejo funcionários da gestão municipal virem até aqui no bairro limparem, não. Tem tempo já. A Prefeitura poderia limpar essa via para que esse problema seja resolvido. A situação dessa via é tão preocupante que as pessoas colocam grama seca que foi roçada no meio da vegetação rente ao passeio em questão. A que ponto chegou!”, lamentou uma leitora da Folha. Um assinante contou à reportagem que quase foi atropelado um motociclista quando passava pela rua Carpas e que, a partir desse incidente, não passa mais pelo local. “Fiquei com um pouco de receio de passar pela via. O motorista quase me atropelou, porque eu estava andando no meio da rua e não o vi. Preferi mudar o meu trajeto, que fazia quase todos os dias, por motivo de segurança, mesmo”, finalizou.

    Resposta:
    A Prefeitura de Passos informou que a roçada, bem como as condições de trânsito do passeio, são de inteira responsabilidade do proprietário da casa ou terreno, possuindo um prazo estipulado para realizar todos os serviços de limpeza necessários no local.
     

    Mais sobre a editoria

    Guia da Cidade
    INCLUA SEU ESTABELECIMENTO

    Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

    © 1984 - 2019 Folha da Manhã. Todos os direitos reservados.
    Desenvolvido por Mediaplus