• Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

    ÁREA DO
    ASSINANTE
    ESQUECEU SUA SENHA?
    Você receberá em seu e-mai uma nova senha para login.
    

    Assine 35 3529-2750

    Fale Conosco contato@clicfolha.com.br

    WhatsApp 35 9 9956-5000

    
    12/12/2018 06h00 - Atualizado em 12/12/2018

    Prefeito de Cássia quer rever convênios com o Estado

    THOMAS MADRIGANO
    CÁSSIA - Com a grave crise financeira enfrentada pelos municípios mineiros, as medidas de corte de gastos têm sido tratadas como prioridade nas Prefeituras da região. Para Kito Arantes (PMN), prefeito de Cássia e 2º vice-presidente eleito da Associação dos Municípios da Microrregião do Médio Rio Grande (Ameg), uma das ações que as cidades precisam tomar para economizar recursos é rever os convênios mantidos com órgãos do Estado.
     
    Arantes afirma que, em Cássia, são cinco os convênios celebrados com o governo estadual, que envolvem: Polícia Civil, Polícia Militar, Judiciário, Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) e a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater). O problema é que são cedidos oito servidores municipais para desempenharem funções no dia a dia dessas instituições com os salários pagos pela Prefeitura, e não pelo Estado – o único convênio que não envolve cessão de funcionários é o da Emater.
    Matéria exclusiva para assinantes

    Faça já a sua assinatura, tenha o jornal impresso em sua casa ou dê de presente para quem você gosta e ganhe o acesso nas páginas digitais pela internet, ou seja: Versão Impressa + Digital.

    Mais sobre a editoria

    Guia da Cidade
    INCLUA SEU ESTABELECIMENTO

    Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

    © 1984 - 2019 Folha da Manhã. Todos os direitos reservados.
    Desenvolvido por Mediaplus