• Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

    ÁREA DO
    ASSINANTE
    ESQUECEU SUA SENHA?
    Você receberá em seu e-mai uma nova senha para login.
    

    Assine 35 3529-2750

    Fale Conosco contato@clicfolha.com.br

    WhatsApp 35 9 9956-5000

    
    14/10/2018 05h50 - Atualizado em 15/10/2018

    Fortaleza de Minas realiza 1º Encontro de Negócios

    Da Redação
    FORTALEZA DE MINAS -  O grupo de 40 produtores rurais do bairro Chapadão, em Fortaleza de Minas realizou na última quarta-feira, 10, o 1º Encontro de Negócios na porta da igreja do bairro rural. O objetivo da rodada de conversas era falar sobre compra coletiva de insumos, negociação conjunta da produção, apresentação da demanda por insumos do grupo e o fortalecimento da relação entre os produtores, fornecedores e compradores.
    De acordo com um dos organizadores, o produtor rural Gilson Dutra Mendes, esta foi uma primeira reunião, mas muito produtiva. “Dentro de alguns dias formalizaremos um grupo, uma associação para facilitar as eventuais negociações. E neste primeiro encontro já conseguimos apoio e a presença de 40 produtores rurais, além da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), do Serviço Nacional de Aprendizado Rural (Senar), da Coopercitrus, L S Trator, Sami Tratores, Budny Tratores, Sicoob Saromcredi Fortaleza de Minas, Prefeitura de Fortaleza de Minas. O evento teve apoio da Nexa, do Instituto Votorantim e execução da Socioambiental Consulting”, contou.
    Ainda conforme informou Mendes, Fortaleza de Minas está produzindo em 40 hectares de frutas, figo, goiaba, uva e morango, gerando uma receita líquida de R$1.240.000,00 por ano. “A nossa primeira rodada de negociações foi um sucesso. O objetivo além de unir os produtores e também de divulgar as frutas que são produzidas aqui”, disse.
    Além das frutas Mendes informa que o município tem uma produção de 2.500 sacas de café beneficiados por safra. “Está havendo uma crescente implantação de lavouras novas no município, que a partir de 2020 a produção vai ultrapassar as 5 mil sacas por safra. E uma novidade é a recente implantação da cultura da pimenta bode, também, excelente negócio. Já a safra 2018/2019 com a assessoria da Nexa e Instituto Votorantim, a produção deve superar as 300 toneladas de frutas”, explicou o produtor.
    Na reunião de quarta-feira, foi uma interação entre produtores e compradores de frutas e empresas que comercializam máquinas e insumos.
    Matéria exclusiva para assinantes

    Faça já a sua assinatura, tenha o jornal impresso em sua casa ou dê de presente para quem você gosta e ganhe o acesso nas páginas digitais pela internet, ou seja: Versão Impressa + Digital.

    Mais sobre a editoria

    Guia da Cidade
    INCLUA SEU ESTABELECIMENTO

    Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

    © 1984 - 2019 Folha da Manhã. Todos os direitos reservados.
    Desenvolvido por Mediaplus