• Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

       
    ÁREA DO
    ASSINANTE
    ESQUECEU SUA SENHA?
    Você receberá em seu e-mai uma nova senha para login.
    

    Assine 35 3529-2750

    Fale Conosco contato@clicfolha.com.br

    WhatsApp 35 9 9956-5000

    
    23/05/2018 13h08 - Atualizado em 23/05/2018

    O Capp e sua missão de amparar, educar e conduzir

    Fundado em 1969, o Centro de Aprendizagem Pró-Menor de Passos, o CAPP, é motivo de orgulho para o município e um exemplo da força dos esforços coletivos. Instituição sem fins lucrativos, foi criada pelos religiosos da Congregação Irmãos de São Gabriel, originária da França, e se tornou referência na assistência a crianças e adolescentes em Passos, com atendimento a mais de 13 mil alunos ao longo de seus quase 49 anos.

    Para proporcionar reforço escolar, formação para a cidadania e uma profissão a seus assistidos, o Capp possui uma estrutura com pavilhão pedagógico, refeitório, quadra esportiva, espaço de recreação e oficinas profissionalizantes de marcenaria, mecânica, costura, tear, bordados, telemarketing, secretariado e etiqueta social, esta última ministrada pela voluntária Vânia Piassi. Em 2018, estão sendo atendidos 320 crianças e adolescentes, de 6 a 16 anos, que são alunos da Escola Estadual Neca Quirino e, no contraturno escolar, realizam atividades no Capp.

    “O nosso lema é 'amparar, educar e conduzir'; ele foi criado por uma aluna quando o Capp fez 40 anos e sintetiza nossa missão”, afirma Délvia Cristina Morais, uma das diretoras pedagógicas. Segundo Délvia, o grande diferencial da entidade é a formação profissional e o encaminhamento para o mercado de trabalho. Com 14 anos, os alunos iniciam a parte teórica nas oficinas e, com 15, passam à parte prática. “É importante que os empresários da cidade e região conheçam nosso trabalho e abram suas portas para nossos aprendizes”, acrescenta Joselita Santos Duarte Fonseca, também diretora pedagógica no Capp.

    As diretoras contam como é gratificante receber a visita de ex-alunos: “Muitos empresários da indústria moveleira, gerentes de banco, comerciantes e professores passaram pelo Capp e vêm agradecer e dizer o quanto aquele período e o carinho que receberam foram importantes em suas vidas”.

    A manutenção da instituição é possível com doações financeiras da comunidade e por meio da fabricação de artefatos de cimento e telas para alambrado. A Administração Municipal contribui com a cessão de servidores da Educação e da Saúde e, desde 2010, a Secretaria de Estado de Educação cede funcionários e repassa verba que custeia parte da alimentação dos assistidos pelo Capp. A entidade também realiza eventos beneficentes, como o Bazar da Pechincha e o Chá Beneficente, que acontecerão em junho e agosto, respectivamente.

    Pessoas interessadas em conhecer o Capp e realizar contribuições financeiras ou de trabalho voluntário e, ainda, empresas que queiram contratar os jovens ali formados podem fazer contato pelo telefone (35) 3521-3979.

    Matéria exclusiva para assinantes

    Faça já a sua assinatura, tenha o jornal impresso em sua casa ou dê de presente para quem você gosta e ganhe o acesso nas páginas digitais pela internet, ou seja: Versão Impressa + Digital.

    Mais sobre a editoria

    Guia da Cidade
    INCLUA SEU ESTABELECIMENTO

    Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

    © 1984 - 2019 Folha da Manhã. Todos os direitos reservados.
    Desenvolvido por Mediaplus