• Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

    ÁREA DO
    ASSINANTE
    ESQUECEU SUA SENHA?
    Você receberá em seu e-mai uma nova senha para login.
    

    Assine 35 3529-2750

    Fale Conosco contato@clicfolha.com.br

    WhatsApp 35 9 9956-5000

    
    13/03/2018 11h25 - Atualizado em 13/03/2018

    Quatro alunos do Glória são premiados em concurso do ICMBio

    Da Redação
    S.J.B.GLÓRIA - O Parque Nacional da Serra da Canastra, do Instituto Chico Mendes da Conservação da Biodiversiade (ICMBio), lançou edital para o Concurso de Criação e Seleção de logomarca do Parque no final do ano passado. O resultado saiu no dia 26 de fevereiro e a entrega dos certificados foi na última sexta-feira, 9. Quatro estudantes da Escola Estadual José Severiano Filho, de São João Batista do Glória, tiveram seus desenhos escolhidos entre os dez melhores pelo Conselho Consultivo do Parque Nacional da Serra da Canastra e, dentre esses, estava a segunda colocada no processo.
    De acordo com a analista ambiental do Parque Nacional da Serra da Canastra, Juliana Giacometti Chinali, os estudantes foram certificados e o trabalho muito proveitoso. “Foram certificados os alunos Christoffer Germano Santos Souza, do 8° ano, Pietra Garcia Gomes Beraldo, do 7º ano, Leandra Trevelin Machado da Silva, do 7º ano, e Julia Gabrielly Gomes Assis, do 8º ano. Todos sob a coordenação da professora Eliane Viana Gomes dos Reis e da diretora Simone Cristina Silva Ferreira”, informou.
    Julia Gabrielly Gomes Assis participou da Campanha da Logomarca do Parque Nacional da Serra da Canastra, tendo sido a segunda colocada na classificação geral.
    Participaram estudantes das escolas públicas do entorno do Parque, dos municípios de São Roque de Minas, Vargem Bonita, São João Batista do Glória, Delfinópolis, Capitólio e Sacramento, que estão no sexto, sétimo e oitavo anos do ensino fundamental.
    As propostas deverão considerar de forma abrangente os aspectos peculiares da unidade de conservação, para que, ao serem traduzidos graficamente, resultem numa marca objetiva, clara e concisa, capaz de ser reconhecida e identificada pela comunidade, estabelece o edital. Deverão conter, obrigatoriamente, no mínimo, alguns (ou todos) os elementos, como: água, nascente do Rio São Francisco, pato-mergulhão, lobo-guará, cachoeira Casca D’Anta, tamanduá-bandeira, que lembram os atributos naturais da unidade.
    Matéria exclusiva para assinantes

    Faça já a sua assinatura, tenha o jornal impresso em sua casa ou dê de presente para quem você gosta e ganhe o acesso nas páginas digitais pela internet, ou seja: Versão Impressa + Digital.

    Mais sobre a editoria

    Guia da Cidade
    INCLUA SEU ESTABELECIMENTO

    Assine (35) 3529-2750

    Fale Conosco contato@folhadamanha.com.br

    WhatsApp (35) 9 8829-8351

    © 1984 - 2018 Folha da Manhã. Todos os direitos reservados.
    Desenvolvido por Mediaplus