Coluna de Minas

30/01/2019
Da Redação

Prefeitos mantêm o início do ano letivo para março
Reunidos no auditório da Associação dos Municípios da Área Mineira da Sudene (Amams), prefeitos do Norte de Minas decidiram que as aulas nas escolas municipais começarão dia 11 de março, desde que o Estado regularize o repasse dos recursos do Transporte Escolar e do Fundo de Desenvolvimento e Manutenção do Ensino Básico (Fundeb). Se até o final de fevereiro o problema persistir, será realizada nova reunião no início de março, que poderá adiar o início do ano letivo para abril. A proposta foi aprovada por unanimidade pelos prefeitos. (Jornal de Notícias – Montes Claros)
 
Sindinova tem 
diretoria empossada
No último final de semana os 27 novos diretores do Sindinova tomaram posse para o triênio 2019/2021 em Nova Serrana. A cerimônia ocorreu no Espaço Sindinova e contou com a presença de autoridades, empresários, associados, imprensa, representantes das entidades parceiras e de classe. Depois de dois mandatos consecutivos à frente da presidência do Sindicato, Pedro Gomes, em seu discurso, abordou as dificuldades enfrentadas no período e ressaltou a importância das parcerias. (O Popular – Nova Serrana)
 
Semusa faz parceria 
A Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) de Divinópolis acertou, na última sexta-feira, 25, uma nova parceria com o Sistema Sesc/Senac para a realização de novos atendimentos oftalmológicos na cidade. A ação é feita em consultórios modernos montados em uma carreta da entidade que deverá ficar estacionada novamente em frente à Policlínica, na área central da cidade. Os atendimentos ocorrerão entre 26 de junho e 2 de agosto. Nos próximos dias, técnicos da Semusa e representantes do Sincomércio irão definir os detalhes da ação. (Gazeta do Oeste -  Divinópolis)
 
Semana começa com falta d’água em  JF 
Moradores de diversos bairros de Juiz de Fora continuam a sofrer com a falta de água. O problema acontece desde a última semana. A situação levou residentes do Bairro Progresso, Zona Leste da cidade, a fecharem, na tarde do último domingo,27, a Rua Manoel Lage como forma de protesto. A manifestação foi encerrada após o envio de caminhão pipa. Já na segunda-feira, 28, bairros da Zona Norte tiveram abastecimento comprometido por conta de vazamento. Foram atingidos: Cidade do Sol, Nova Era, Jóquei Clube, Santa Lúcia e adjacências. A Companhia de Saneamento Municipal (Cesama) pede que seja feito o uso racional de água e descarta a realização de rodízio. (Tribuna de Minas- Juiz de Fora)
 
Escolinha de futebol retorna suas atividades
A tradicional escolinha de futebol do Esporte Clube Ribeiro Junqueira retoma as suas atividades na segunda-feira,4 de fevereiro, após o período de férias escolares dos atletas. Os treinos são comandados pelos técnicos Antônio Valentim e Caio Conte, que já trabalham há muitos anos juntos. A experiência deles com categorias de base já contribuiu para conquistas de torneios importantes na região e até mesmo internacional, formando atletas e, acima de tudo, cidadãos compromissados. (Jornal Leopoldinense - Leopoldina)
 
Muriaé terá pontos de coleta de doações 
Nessa última segunda-feira, 28, a cidade de Muriaé começou a ter quatro pontos de coleta de doações para as vítimas do desastre em Brumadinho. Os espaços de arrecadação serão montados pela Prefeitura, das 8h às 17h, nos seguintes locais: Centro Administrativo, Praça João Pinheiro, Praça do Trabalhador (Barra) e Praça do Dornelas. A administração também ficará responsável pela entrega dos donativos na cidade atingida pelo rompimento da barragem. A campanha de arrecadação pedirá doações não só para as famílias, mas também para os animais. (Gazeta de Muriaé)
 
Superintendência recebeu mais de 300 denúncias 
Em 2018 a Superintendência de Bem-Estar Animal de Uberaba atendeu quase uma denúncia por dia. Ao todo foram enviadas 313 notificações extrajudiciais para populares para apuração de denúncias de maus tratos. A pasta encaminhou 94 ofícios ao Ministério Público contendo denúncias de maus tratos para que fossem tomadas as medidas judiciais cabíveis, e ainda 21 ofícios à delegacia do Meio Ambiente para apuração de maus tratos. (Jornal da Manhã -  }
Uberaba)