Padrão de energia elétrica é danificado e PPI de Passos está às escuras

10/02/2018

Um leitor desta Folha, morador na Avenida Brasília, Jardim Planalto, região do Bairro Nossa Senhora da Penha, entrou em contato com a redação para denunciar que a sede do Posto de Perícia Integrada (PPI) está sem energia elétrica há quase dois meses. A reportagem entrou em contato com um funcionário do local que confirmou o problema. “Durante uma chuva forte no final do ano passado, o padrão da Cemig foi atingido por alguns galhos de uma árvore e veio ao chão. Como consequência, os cabos de energia foram arrebentados. Chamei a empresa, mas os funcionários tiraram o relógio porque o poste do padrão também foi quebrado e necessita de um novo. A médica que gerencia o PPI já comunicou o fato à empresa responsável pela manutenção, mas até hoje nenhuma providência foi tomada. A Delegacia de Polícia Civil e prefeitura de Passos também já têm conhecimento do problema. Tive que solicitar um espaço no imóvel de entrada do novo cemitério de Passos, que fica próximo do PPI, para colocar a geladeira usada na armazenagem dos materiais para análises laboratoriais. Durante a noite não há como executar os trabalhos de necropsia”, afirmou o funcionário.
 
MANUTENÇÃO
EXECUTADA
Através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Agropecuária e Abastecimento, a Assessoria de Comunicação da prefeitura informou que “foi executada a manutenção nas árvores que estavam fora da rede. A que estava sobre os cabos, não foi permitida a retirada por apresentar riscos. A Cemig ficou encarregada de resolver o problema na rede e comunicar a Secretaria para que fosse finalizada a manutenção da poda da árvore”.